Bradicinesia e Rigidez no Mal de Parkinson

O que é Bradicinesia?

A bradicinesia (lentidão de movimento) é um dos principais sintomas do Mal de Parkinson e o que mais acarreta problemas para o paciente por se tornar extremamente incapacitante (mais que o tremor).

Esse sintoma é progressivo podendo evoluir durante meses e anos, geralmente aparece no início da doença e tem intensidade diferente em cada paciente.

Devido a lentidão os pacientes levam mais tempo e tem que fazer um esforço muito maior para completar as suas tarefas diárias – inclusive as mais simples como se alimentar ou tomar banho – resultando em fadiga e problemas psicológicos ligados à dependência de outras pessoas.

Resumindo, a Bradicinesia promove

  1.  Coordenação motora fina prejudicada – você pode observar isso pela micrografia (letras pequenas durante a escrita).
  2. Alterações na marcha – marcha “curta”, de pequenos passos
  3. Períodos de imobilidade (o paciente “congela”)
  4. Dificuldade para virar na cama ou se levantar de uma cadeira

Manejando a Bradicinesia

bradicinesia fisioterapia

  • A fisioterapia pode ajudar a melhorar os sintomas. Um fisioterapeuta deverá ser consultado e recomendar exercícios e técnicas para melhorar a mobilidade.
  • As medicações utilizadas (levodopa, pramipexol, etc.) também melhoram este sintoma de forma satisfatória na grande maioria dos casos.

O que é Rigidez?

A rigidez ou perda da flexibilidade muscular é um dos principais sintomas do Parkinson ao lado do tremor e da bradicinesia e se deve ao aumento da resistência que os músculos oferecem.

É importante salientar que nem todos os pacientes apresentarão os sintomas.

Entenda melhor com a ajuda desse infográfico → Infográfico sobre os Sinais e Sintomas do Mal de Parkinson

A rigidez pode ser notada quando você move uma articulação (como a mão, o braço ou uma perna) para baixo e para cima e percebe que o movimento é realizado com esforço por parte do examinador.

Isso ocorre devido a hipertonia (aumento do tônus muscular) que esses pacientes apresentam e chamamos esse fenômeno de sinal da roda denteada.

sinal da roda deteada bradicinesia mal de parkinson
Sinal da roda denteada

Outro sinal é a diminuição dos movimentos espontâneos – geralmente quando caminhamos os braços se movem em ritmo alternado – o paciente com o Mal de Parkinson permanecerá com os braços ao longo do tronco (imagine um robô andando).

Resumindo, a rigidez promove:

  1. Músculos endurecidos e inflexíveis
  2. Fadiga
  3. Dor e câimbras
  4. Rosto sem expressão
  5. Perda dos movimentos alternados dos braços durante a marcha
  6. Dificuldade para levantar da cadeira ou da cama

Manejando a Rigidez

fisioterapia bradicinesia rigidez doença de parkinson

  • Fisioterapia
  • Exercícios e alongamentos
  • Fonoterapia para melhorar a flexibilidade dos músculos da face
  • Acupuntura e suplementos de magnésio podem ser úteis, mas ainda são controversos.

A bradicinesia, a rigidez e o tremor formam a tríade das síndromes parkinsonianas, portanto não são exclusivas da Doença de Parkinson.

A tríade pode ser encontrada em outras doenças neurológicas conhecidas como parkinsonismo atípico ou Parkinson Plus.

Aprenda mais sobre As diferenças entre parkinsonismo atípico e a Doença de Parkinson

Bradicinesia e Rigidez no Mal de Parkinson
4.7 (93.94%) 33 votos